Rede de Telessaúde de Minas Gerais participa do Fórum FAMx na UNESCO em Paris


05.06.2018

A Fundação da Academia Francesa de Medicina (FAM) realizou seu primeiro fórum internacional, o FAMxParis, nos dias 31 de maio e 1º de junho de 2018 na UNESCO em Paris. O fórum foi dedicado ao tema “inovação reversa” em saúde, que é a inovação desenvolvida ou usada primeiro no mundo em desenvolvimento, antes de se espalhar para os países desenvolvidos. Foram apresentadas e discutidas inovações vindas do Brasil, Rússia, Índia, China e países emergentes, abordando três grandes questões: regiões com poucos médicos, custos excessivos de saúde e a necessidade de repensar o papel dos profissionais de saúde.

O Professor Antonio Luiz Pinho Ribeiro, coordenador da Rede de Telessaúde de Minas Gerais e do Centro de Telessaúde do HC-UFMG, a convite da FAM, apresentou a experiência da Rede em ofertar serviços de telessaúde para áreas remotas e exemplos de pacientes que usaram esses serviços com sucesso. O coordenador participou também da mesa redonda “Desertos médicos: como reduzir a resistência à mudança?”.

Com mais de 40 oradores de todo o mundo e o apoio dos seis principais países parceiros da Fundação – Brasil, China, Índia, México, Rússia e Senegal, o evento foi uma oportunidade de se discutir maneiras de facilitar o acesso à assistência para um número maior de pessoas em todo mundo, uma das missões da FAM.

Assista à gravação do evento através do link https://youtu.be/me9KJ2A9Y00.

Apresentação do Professor Antonio Luiz Pinho Ribeiro durante o Fórum